2ª Via IPTU 2ª Via ISS

Notícias

Movimento “Juntos Pela Água” busca reduzir desperdício

Imprensa |

site IMG_0001

A chuva não apareceu esse ano e isso reduziu muito o volume de água que abastece as cidades paulistas. A estiagem é grave, mas não adianta lamentar. Diante disso teve início um movimento para incentivar o uso consciente da água em Santa Gertrudes, o “Juntos Pela Água”. O objetivo da ação é reforçar os hábitos de consumo equilibrados mesmo onde não existe problema de abastecimento, já que a falta de chuvas afeta todo o estado.

Desde o início desse ano o índice de chuvas está quase 400 milímetros menor que a média histórica para o mesmo período do ano passado. A situação do nosso município merece atenção. O nível do córrego Santa Gertrudes, responsável pelo abastecimento de quase toda cidade, hoje está 70% inferior em comparação com o ano passado.

Para reduzir os impactos da estiagem a Odebrecht Ambiental, responsável pela água no município, já realizou várias ações e elaborou um plano de alerta e contingência caso haja necessidade de ações mais restritivas. Desde novembro de 2010 foram realizadas as seguintes obras para aumentar a reservação de água tratada: construção de novos reservatórios nos bairros Bom Sucesso e Jardim Parque Industrial e redução da perda de 50% para 27%, o que equivale a mais de 1,3 bilhões de litros de água.

A previsão é de que até novembro de 2014 mais de 300 mil litros sejam adicionados na região do Parque dos Jequitibás, ampliando a reserva de água tratada para 2.900.0000 litros.

“Melhorou muito o saneamento e o abastecimento de água no município. Mas agora o Brasil inteiro sofre com a falta de água, principalmente o Estado de São Paulo e por isso temos que ajudar e trabalharmos juntos para evitar desperdício”, disse o prefeito Rogério Pascon.

Paula Violante, diretora da unidade da Odebrecht de Santa Gertrudes, fala que o nível de captação está próximo do nível de vazão. “Precisamos valorizar as boas práticas de consumo”, destaca.

O gerente de operações da Odebrecht, Alexandre Leite, afirma que se cada cidadão reduzir um minuto do banho será possível abastecer por mais uma hora toda a cidade. Então é preciso colaborar. “Cada um de nós como cidadão, como cliente e como pessoa temos a responsabilidade de reduzir o consumo de água”, salienta.

Devido a toda esta situação de estiagem e risco iminente de racionamento, pede-se mais do que nunca a colaboração e empenho da população gertrudense para reduzir o desperdício e para que haja mais estabilidade nos níveis dos reservatórios municipais. A média de consumo por habitante que era de 176 litros/dia já foi reduzida para 161 litros, mas é possível reduzir ainda mais esse número com ações conscientes e que evitam o desperdício.

 

 

Algumas ações do dia a dia podem contribuir com isso:

– Verifique se existem vazamentos em seu imóvel. Além de combater o desperdício, você economizará ao receber sua conta.

– Ao lavar o carro ou regar o jardim, não utilize mangueira. Nesses casos, o uso de balde e regador evita o desperdício.

– Ao escovar os dentes, feche a torneira. Faça o mesmo enquanto ensaboa as mãos. Você reduzirá o desperdício pela metade.

– Não utilize a mangueira para varrer o quintal e a calçada. Com a vassoura você economiza tempo e água. Se necessário jogar água, que tal reaproveitar a água da máquina de lavar roupas?

– encha a pia para lavar pratos e talheres. Abra a torneira apenas na hora de enxaguar. Com isso você evita o desperdício.

O site www.juntospelaagua.com.br concentra dicas e informações sobre o assunto possíveis de serem compartilhadas nas redes sociais com o uso da hashtag #juntospelaagua. O movimento, além de disponibilizar informações incentiva que a própria população compartilhe seus hábitos de consumo numa rede de dicas e informações úteis para todos.